quinta-feira, 23 de junho de 2011

Amar

Pegar numa simples frase, numa simples palavra e torna-la numa melodia, é a verdadeira essência de um compositor. Tocar com um pincel delicadamente num quadro e criar uma obra de arte é verdadeiro dom de um pintor... No entanto pedir a um ser mortal para tentar explicar um sentimento eterno é uma tarefa para a qual é necessária uma grande resposta. Isto porque ainda ninguém conseguir criar palavras suficientes para tentar explica-lo.
É um sentimento que apenas é totalmente entendido quando o nosso coração já se deixou consumir pelas suas chamas, quando já não existe forma para o apagar.
Senti-lo assemelha-se a um toque no céu, à realização de algo irrealizável, à contemplação de algo invisível.
Não acredito que exista alguém que nunca tenha provado a sua força, porque mesmo que sejamos fugitivos, algum dia, ao acordar, vamos encontra-lo a olhar nos directamente nos olhos.


Amar e ser amada, diariamente o verdadeiro amor a crescer dentro de nós...
E sentir os raios de sol na minha pele branca, ao teu lado. Testar as tuas mãos delicadas de anjo a acariciar a minha face. Experimentar os teus lábios doces e observar nas profundezas dos teus olhos...


E sim, o verdadeiro amor é demasiado grande para se medir, aliás não há medida possível, uma vez que... é eterno  sem sequer ter tempo verbal... Presente, passado ou futuro. E se algum dia se deixar de amar, é apenas porque nunca se chegou a amar profundamente...

18 comentários:

  1. Vou aproveitar querida, aproveita também tu :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  2. Férias assim quem não gostaa (:
    Está muito bonito o post

    ResponderEliminar
  3. Está LINDO!*.*
    Tens o dom de me deixar completamente sem palavras sempre que leio os teus textos!:)
    Fico muito feliz por teres encontrado um amor tão grande e verdadeiro!
    Obrigada pelo comentário no meu blog, é verdade se o amor for realmente verdadeiro e se essa pessoa algum dia tiver ocupado um lugar especial no nosso coração, esse lugar sempre lhe pertencerá...
    Bji grande!

    ResponderEliminar
  4. - eu ame o post, de verdade!
    lindo, lindo, lindo! *-*
    aproveitei pra divulgar o ter blog no meu face, espero que nao se importe.
    ah, que bom que esta de volta :*

    ResponderEliminar
  5. Lindo texto (:
    E simplesmente concordo em número, gênero e grau!
    "E se algum dia se deixar de amar, é apenas porque nunca se chegou a amar profundamente..."

    Bjs :*

    Tudo de bom pra ti (yn'

    ResponderEliminar
  6. Tem um selinho no meu Blog pra ti.

    Bjs :*

    ResponderEliminar
  7. Texto novo no blog amor, comentas?

    Beijão.

    ResponderEliminar
  8. Olá querida :) Já estou a seguir este teu blog maravilhoso beijinho*

    ResponderEliminar
  9. obrigado minha querida
    vou segui tambem (:

    ResponderEliminar
  10. Lindo, Matilde!
    Pra mim, o amor é o sentimento mais belo que existe. O que vai além do que pensamos, além do que vemos e além, até mesmo, do que sentimos. Amor é verbo - sentido, vivido, realizado!

    Ah, minha florzinha, vim te avisar que, como está se aproximando o fim do mês de junho, já estou analisando os comentários para ver quem vai ser o destaque mensal de junho!

    Falta pouquinho pra você!
    Fica com deus e tenha uma boa noite!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  11. Também vou seguir... gosto da maneira que escreves (:

    ResponderEliminar
  12. Ola minha querida ! Desculpa a minha ausência, mas não tenho tido muito tempo para o blog, porque me encontro em época de exames e tudo! Vai dando notícias :)
    BeijinhosS

    ResponderEliminar

Obrigado por visitarem o meu blog!